Água-viva

A água-viva é um animal marinho e existem mais de 1500 espécies identificadas.

0

Você sabia que aquelas criaturas brilhantes e coloridas que as vezes encontramos na areia das praias são um animal marinho?

Estima se que as águas-vivas sejam um dos organismos mais antigos, com cerca de 650 milhões de anos de existência.

Vamos aprender um pouco mais sobre elas?

O que é água-viva?

A água-viva é um animal marinho e existem mais de 1500 espécies identificadas. São popularmente chamadas de medusa em referência a uma figura mitológica grega que possuía a cabeça com vários cachos, parecida com a água-viva na fase adulta, cheia de tentáculos numa estrutura arredondada.

Características das águas-vivas

  • Possui corpo gelatinoso, sem órgãos ou ossos.
  • Frequentemente são transparentes com bordas coloridas.
  • Possui muitos tentáculos utilizados para locomoção e captura de presas.
  • Tem muitas estruturas sensoriais, são formadas por nervos em forma de feixes que controlam os tentáculos.
  • Possuem uma substância que pode causar queimaduras graves na pele humana.
  • Alimentação das águas-vivas é baseada em microplâncton.
  • Possuem tamanho bastante variável entre 2,5 cm até 2 metros de comprimento.
Medusa
Água-viva na areia da praia

Reprodução

São animais dióicos, ou seja, possuem sexos separados. Os machos liberam o esperma na água e esse encontra o orifício da medusa feminina, onde ocorre a fertilização formando dezenas de larvas.

Essas larvas saem do corpo da mãe  e se fixam em rochas na forma de pólipos. Os pólipos são pequenas estruturas com boca, tentáculos e um orifício. Os pólipos se desenvolvem até adquirir uma forma esférica, já parecida com a da medusa e só então se desprende da rocha para que desenvolva seu tamanho. Elas podem viver até 6 meses.

Água-viva em desenvolvimento

 

 

você pode gostar também
Deixe um comentário