Conheça o Corpo Humano

Composto por sistemas que contém órgãos formados por tecidos que são constituídos por células, o corpo dos seres humanos é o organismo mais complexo dos animais

0

O corpo humano é um estrutura formada por diversos órgãos, sistemas, tecidos e células (que são seus níveis de organização) que fazem dele um sistema complexo que permite os humanos de realizarem ações, como andar, correr, respirar, pensar falar, entre outras.

Assim como os outros animais, os seres humanos são pluricelulares (formados por mais de uma célula), onde cada uma dessas células possui formatos e funções diferentes, gerando tecidos, órgãos e sistemas.

Para se estudar o corpo humano, geralmente é formado o seguinte nível de organização: célula > tecido > órgão > sistema > organismo.

Células

São unidades vivas que estruturam e são funcionalidade aos organismos vivos, carregando informações genéticas de um organismo ao outro, realizando divisões celulares.

Segundo a Teoria Celular de Matthias Jakob Schleiden e Theodor Schwann, todos os organismos vivos são formados por células (tanto os pluri, quanto os unicelulares). As células do corpo humano são eucariontes; isso significa que possuem seu núcleo bem definido e delimitado por meio de membranas e organelas membranosas.

As células são formadas por uma membrana plasmática, citoplasma e núcleo (não presente nas células procariontes, que têm seu material genético espalhado pelo citoplasma). Todas as células eucariontes possuem um núcleo definido que envolvem seus genes por meio de uma dupla membrana.

Estrutura da célula

Já as procariontes, seu núcleo, não possuem as histonas, proteínas que se ligam ao DNA da célula. A membrana plasmática possui permeabilidade seletiva; ou seja, por ser constituída por uma dupla camada fosfolipídica que faz o controle de substâncias que entram e saem da célula.

Além disso, essa membrana delimita o citoplasma, que é constituído pelo citosol (região que possui aminoácidos, nutrientes energéticos e íons). Dentro do citosol são localizadas as organelas celulares (os centríolos, cloroplastos, lisossomos, mitocôndrias, ribossomos, entre outros), que controlam as atividades celulares.

Exemplos de células:

  • Adipócitos: células armazenam a energia produzida pelo corpo em forma de gordura (lipídeos) quando se ingere mais calorias do que se gasta, e as liberam (como ácidos graxos), quando a taxa de ingestão é baixa; ou seja, equilibram o fluxo de energia no organismo.
  • Células-beta: residem no pâncreas e produzem insulina (quando essa produção é prejudicada, pode ocasionar diabetes).
  • Hemácias, eritrócitos ou glóbulos vermelhos: Células avermelhadas (pigmentadas por hemoglobina) que realizam o transporte de oxigênio (que será absorvido) e parte do de gás-carbônico (para sua eliminação) pelo corpo.
  • Células de Schwann: responsável por envolver os neurônios e formarem membrana celular envolta deles (espécie de capa).
  • Leucócitos ou glóbulos brancos: células incolores em formato circular que defendem o organismo.
  • Miócitos ou fibras musculares: células alongadas que formam os tecidos musculares, responsáveis pela contração corporal.
  • Neurônios: compõem o sistema nervoso, de modo que conduzem, recebem e transmitem os impulsos nervosos realizados pelo corpo.
  • Ovócito: são células sexuais femininas produzidas pelo ovário (glândulas localizadas no sistema reprodutor).
  • Espermatozoides: células reprodutivas masculinas; são pequenas e móveis.

Tecidos

O corpo humano é formado por quatro tipos de tecidos (epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso), onde cada um deles possui funções específicas.

Entretanto, no geral, suas funções permeiam o revestimento corporal, a sustentação, transporte de substâncias, ajudar nas contrações do corpo e transmitir impulsos nervosos.

Tipos de tecidos

Tecido Epitelial: responsável por revestir (a parte externa, as cavidades internas e os órgãos) e realizar a secreção do corpo. As células que compõem esse tecido podem ser tanto cilíndricas, como cúbicas ou achatadas.

O epitélio dos tecidos é dividido em epitélio de revestimento e glandular, sendo que o segundo responsável por formar as glândulas exócrinas e endócrinas. Não existem vasos sanguíneos nesse tecido, o que faz com que ele dependa na nutrição provida pelos demais tecidos.

Tecido Conjuntivo (Tecido Adiposo, Ósseo, Cartilaginoso, Sanguíneo): este tecido é composto por fibras que possuem as proteínas colágeno ou elastina. Possuem diversas funções, dentre elas: sustentação, cicatrização e transporte de substâncias.

Tecido Adiposo: Composto por células responsáveis por acumular gotículas de lipídios em seu citoplasma. Possui como principais funções a reserva de energia, o isolamento térmico e a proteção do corpo contra choques mecânicos.

O vacúolo central de gordura dessas células aumenta ou diminui de acordo com a velocidade do metabolismo do organismo. Ou seja, se o corpo gastar mais energia do que consumir, a gordura dessas células é reduzida.

Tecido Ósseo: Em suma, consiste em um tecido rígido presente no esqueleto dos vertebrados, com função de sustentar o organismo. É composto por grande quantidades dos sais minerais cálcio, fósforo e magnésio, além de fibras colágenas que garantem a flexibilidade necessária aos ossos.

Apesar de serem compostos majoritariamente pelo tecido ósseo, também possuem os tecidos adiposo, nervoso, cartilaginoso e reticular, além de serem ricos em vasos sanguíneos, boa capacidade de regeneração, alto metabolismo e sensibilidade.

Os ossos são formados por duas cavidades, sendo uma denominada osso compacto, e outra osso esponjoso, que possui várias outras cavidades que se comunicam entre si.

Possuem uma estrutura microscópica, baseada no sistema de Harvers, onde cada sistema apresenta diversas outras cavidades, ligados pelos canais de Havers (que comunicam entre si e possuem cavidade medular).

A medula óssea é responsável pode ser amarela (feita de tecido adiposo) ou vermelha (formada por células do sangue, que são produzidos pelo tecido hemopoiético) e tem como função preencher o interior dos ossos.

Esqueleto:  é uma estrutura composta por ossos e cartilagens articuladas (que é constituído de tecido ósseo) que sustenta o corpo, protege os órgãos e permite com que este se locomova. O esqueleto humano é dividido em esqueleto axial e apendicular.

Enquanto o esqueleto axial é formado pelo crânio, pela coluna vertebral, pelas costelas e o esterno, o esqueleto apendicular é constituído pelos membros superiores, inferiores e pela cintura pélvica.

Formado por ossos, tendões (cordões de tecido conjuntivo formado por colágeno que auxiliam o movimento e o equilíbrio corporal) e ligamentos (tecidos fibrosos que conectam os ossos e estabilizam as articulações).

Tecido Cartilaginoso: Tecido com quantidades elevadas de fibras elásticas e com colágeno. Ou seja, é um tecido rígido, porém bastante flexível. Não possui nervos, nem vasos sanguíneos ou linfáticos. Bastante encontrado no nariz e orelha.

Tecido Sanguíneo: Esse tecido é produzido pelo tecido hemocitopoético, localizado dentro de alguns ossos. Basicamente, esse tecido promove o transporte de determinados hormônios, gases (como o oxigênio) e nutrientes até seu local de atuação. Da mesma forma, captura outras substâncias, gases e excreções celulares em prol de defender o organismo de possíveis ameaças.

A parte fluída do sangue é composta pelo plasma, um fluído com cor amarelada que é formado por água e outras substâncias que são transportadas pelo sangue (nutrientes, hormônios, fases, sais minerais, proteínas, células sanguíneas e excretas).

As principais células sanguíneas são as Hemácias (responsáveis pelo transporte de substâncias), os Leucócitos (responsáveis pela defesa do organismo) e as Plaquetas (responsáveis pela coagulação sanguínea).

Tecido Muscular: Formado por células (com grandes quantidades das proteínas miosina e actina) especializadas no ato da contração, extensão, excitação e elasticidade do corpo. São correspondentes a cerca de 40% da massa do corpo, e funcionam como agente produtor de calor ao corpo, estabilizadores e reguladores de postura, responsáveis pela movimentação corporal e pela regulação do volume dos órgãos.

Esse tecido pode ser classificado em tecido muscular não estriados ou lisos (com contração involuntária e lenta, presente no estômago, útero, bexiga, vasos sanguíneos, entre outros), estriados esqueléticos (com contração rápida e voluntária da pessoa) e estriados cardíacos (com contração rítmica, forte e involuntária, que compõe o principal tecido do coração).

Tecido Nervoso: Tecido que compõe os órgãos do sistema nervoso e é responsável pela comunicação e pelo processamento de informações no organismo. Assim, recebem, interpretam e respondem às informações e estímulos produzidos pelo corpo.

É composto por células nervosas denominadas neurônios (que transmitem informações por meio de neurotransmissores e impulsos elétricos) e células gliais (em maior abundância que os neurônios, protegem e nutrem o sistema nervoso). Um bom exemplo, é que sempre que algo chega perto dos olhos, a reação automática produzida pelo corpo é fechá-los.

Órgãos

Os órgãos do corpo humano são constituídos pelo agrupamento de dois ou mais tecidos diferentes e são localizados em sistemas distintos, que os fazem possuir funções específicas.

Órgãos do corpo humano

Esses órgãos, juntos, formam um sistema, onde cada um desempenha sua própria função, ao mesmo tempo que um geralmente depende do outro para funcionar. Confira alguns dos principais órgãos do corpo humano:

  • Coração: responsável por bombear o sangue através do batimento cardíaco (realizado por meio da contração e do relaxamento), este é um órgão presente no sistema circulatório que bombeia tanto o sangue venoso para os pulmões (através de seu lado direito), leva o arterial para o restante do corpo (pelo lado esquerdo).
  • Estômago: crucial ao processo digestivo, produz o suco gástrico que digere parcialmente os alimentos. É localizado entre o esôfago e o intestino delgado.
  • Intestinos: Dividido em delgado e grosso. No geral, possuem a função de absorver a água e os nutrientes dos alimentos, além de armazenar e eliminar os resíduos tóxicos dos alimentos que não possuem serventia ao organismo.
  • Faringe: Responsável pela passagem de alimentos e ar, esse órgão mantém comunicação com o sistema respiratório e digestório (sendo que ambos dependem dele para seu pleno funcionamento).
  • Esôfago: Tem formato de tuba e leva o alimento até o estômago.
  • Fígado: É considerada a maior glândula do corpo humano. Sua função é produzir a bile (que contém substâncias que facilitam a ação das enzimas digestivas), que age sintetizando a gordura ingerida pelo organismo. Além disso, mantém e filtra substâncias. É localizado logo abaixo do diafragma.
  • Brônquios: Espécie de canal entre a traqueia e ambos os pulmões que leva o ar de um para o outro.
  • Ovários: Produz gametas femininos por meio da síntese de hormônios como o estrógeno e a progesterona.
  • Pulmões: Responsável pela troca de gases do corpo humano (oxigena o sangue, elimina gás carbônico) e é localizado dentro da caixa torácica.
  • Tireoide: Glândula responsável por atuar sobre o metabolismo corporal. É encontrada na região do pescoço e funciona em prol de regular o crescimento, controle emocional, desenvolvimento e até fertilidade do organismo.

Sistemas

Sistema do corpo humano possui um objetivo distinto e é composto por órgãos que atuem em prol dessas funções.

  • Cardiovascular: Movimenta o sangue no corpo (transportando nutrientes) por meio de vasos sanguíneos (que podem ser as astérias, veias ou vasos capilares).
  • Digestório: Digere os alimentos, os reduzindo a moléculas menores a serem absorvidas ou excretadas pelo corpo. É constituído pela boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso, glândulas salivares, dentes, língua, pâncreas, fígado e vesícula biliar.
  • Endócrino: Atua na produção de hormônios que regulam o funcionamento e desenvolvimento do organismo.
  • Esquelético: Sustenta e dá forma ao corpo, protege os órgãos e tem grande atuação na articulação corporal.
  • Excretor: Sua principal é eliminar os resíduos que, por não serem mais úteis ao desenvolvimento do organismo, são descartados. Para chegarem ao sistema excretor, essas substâncias passam pelo sistema digestório, onde são parcialmente diferidas. É formado pelos rins e pelas vias urinárias e busca o equilíbrio dinâmico do corpo.
  • Muscular: Composto por tecidos musculares, atua estabilizando e sustentando o corpo, além de ser responsável pela movimentação do corpo e auxiliar a regulação térmica.
  • Nervoso: Capta as informações e estímulos produzidos pelo corpo ou externo a eles, e produz respostas a essas mensagens recebidas e interpretadas. Formado pelo sistema nervoso central e periférico.
  • Reprodutor: Responsável pela reprodução humana. É dividido em sistema reprodutor masculino e feminino.
  • Respiratório: Composto pelos órgãos que transportam o ar (as chamadas vias respiratórias), como a faringe, laringe, traqueia, entre outros. Realiza as trocas gasosas corporais.
  • Tegumentar: É a pele. Responsável pela regulação térmica, sensibilidade e proteção do corpo.
  • Linfático: Consiste em uma rede de vasos responsável por transportar a linfa (líquido constituído por proteínas e lipídios, produzido no sangue), proteger as células imunes (em conjunto com o sistema imunológico), absorver os ácidos graxos e equilibrar a taxa de fluidos presente nos tecidos.
  • Imunológico: Responsável por defender o organismo de possíveis corpos estranhos (vírus, bactérias, entre outros) que entram em contato com o organismo.
  • Urinário: Participa da excreção iniciada pelo sistema excretor, eliminando resíduos do corpo através da urina.
  • Sensorial: Formado pelos cinco sentidos do corpo humano: paladar, olfato, audição, visão e tato. Envia as informações recebidas para o sistema nervoso (que as interpreta e reenvia ao restante do organismo).

Curiosidades sobre o corpo humano

  1. A pele (constituída por hipoderme, derme e epiderme) é o maior órgão do corpo humano
  2. Um indivíduo adulto possui cerca de 206 ossos.
  3. As estruturas ósseas de homens e mulheres possuem diferenças marcantes entre elas.
  4. Crianças possuem mais ossos que adultos.
  5. Seres humanos perdem cerca de 600 mil partículas de pele por hora, que corresponde a 680 gramas por ano (em 30 anos, serão mais de 19 quilos de pele).
  6. As orelhas e o nariz de um humano nunca param de crescer e se desenvolver.
  7. Um coração saudável bate cerca de 100 mil vezes por dia.
  8. Seres humanos têm cerca de dois metros quadrados de pele (que pesa, aproximadamente, três quilos e meio).
  9. O músculo mais potente do corpo é a língua, e o mais forte é o da mandígula (chamado masseter).
  10. Os pés humanos possuem um quarto dos ossos de todo o corpo.
  11. O corpo de um adulto elimina mais de 3 litros de líquido por dia, tanto por meio da urina e suor, quanto pela respiração.
  12. O fêmur é considerado o maior osso do corpo humano.
  13. Já o maior músculo é o glúteo máximo.
  14. A maior célula do corpo é o óvulo, também chamada de célula-ovo.
  15. Durante toda a vida do ser humano, ele produz aproximadamente 23 mil litros de saliva.
  16. A circulação sanguínea é tão intensa que o sangue percorre cerca de 19 mil quilômetros por dia dentro do corpo humano.
  17. O crânio possui 29 ossos.
você pode gostar também