Trava-línguas

Os trava-línguas são textos difíceis de recitar, justificados pela semelhança sonora. Confira agora exemplos de trava-línguas.

0
Você sabe o que são trava-línguas? Os trava-línguas são tipos de parlenda, compostos por frases difíceis de recitar, justificadas pela semelhança sonora das suas sílabas, mas pronunciadas em ordem diferente.

Os trava-línguas são originados da cultura popular, que podem aparecer em forma de prosa, frases ou verso. O grande desafio é tentar pronunciá-los sem fazer pausas ou tropeços, ou seja, sem travar a língua.

Exemplos de trava-línguas

Confira agora alguns exemplos de trava-línguas. Tente recitar tudo rapidamente e sem fazer pausas. Boa sorte!

  1. Em rápido rapto, um rápido rato raptou três ratos sem deixar rastros.
  2. Olha o sapo dentro do saco. O saco com o sapo dentro. O sapo batendo papo e o papo soltando o vento.
  3. Se percebeste, percebeste. Se não percebeste, faz que percebeste para que eu perceba que tu percebeste. Percebeste?
  4. A babá boba bebeu o leite do bebê.
  5. Chega de cheiro de cera suja.
  6. Um ninho de carrapatos, cheio de carrapatinhos, qual o bom carrapateador, que o descarrapateará?
  7. Se vaivém fosse e viesse, vaivém ia, mas como vaivém vai e não vem, vaivém não vai.
  8. Para ouvir o tique-taque, tique-taque, tique-taque. Depois que um tique toca é que se toca um taque.
  9. Uma trinca de trancas trancou Tancredo.
  10. A vida é uma sucessiva sucessão de sucessões que se sucedem sucessivamente, sem suceder o sucesso.
  11. Se o papa papasse papa, se o papa papasse pão, se o papa tudo papasse, seria um papa -papão.
  12. Toco preto, porco fresco, corpo crespo.
  13. O princípio principal do príncipe principiava principalmente no princípio principesco da princesa.
  14. A rua de paralelepípedo é toda paralelepipedada.
  15. Fui caçar socó, cacei socó só, soquei socó no saco socando com um soco só.
  16. Caixa de graxa grossa de graça.
  17. Tem uma tatu-peba, com sete tatu-pebinha. Quem destatupebar ela, bom destatupebador será.
  18. Teto sujo, chão sujo.
  19. Disseram que na minha rua tem paralelepípedo feito de paralelogramos. Seis paralelogramos tem um paralelepípedo. Mil paralelepípedos tem uma paralelepipedovia. Uma paralelepipedovia tem mil paralelogramos. Então uma paralelepipedovia é uma paralelogramolândia?
  20. Pedreiro da catedral, está aqui o padre Pedro? – Qual padre Pedro? – O padre Pedro Pires Pisco Pascoal. – Aqui na catedral tem três padres Pedros Pires Piscos Pascoais como em outras catedrais.
  21. Se o Pedro é preto, o peito do Pedro é preto e o peito do pé do Pedro também é preto.
  22. Paulo Pereira Pinto Peixoto, pobre pintor português, pinta perfeitamente, portas, paredes e pias, por parco preço, patrão.
  23. Há quatro quadros três e três quadros quatro. Sendo que quatro destes quadros são quadrados, um dos quadros quatro e três dos quadros três. Os três quadros que não são quadrados, são dois dos quadros quatro e um dos quadros três.
  24. Perto daquele ripado está palrando um pardal pardo.
  25. Um limão, mil limões, um milhão de limões.
  26. A naja egípcia gigante age e reage hoje, já.
  27. O original não se desoriginaliza! O original não se desoriginaliza! O original não se desoriginaliza! Se desoriginalizásemo-lo original não seria!
  28. Um ninho de carrapatos, cheio de carrapatinhos, qual o bom carrapateador, que o descarrapateará?
  29. Sabendo o que sei e sabendo o que sabes e o que não sabes e o que não sabemos, ambos saberemos se somos sábios, sabidos ou simplesmente saberemos se somos sabedores.
  30. O princípio principal do príncipe principiava principalmente no princípio principesco da princesa.
  31. A vaca malhada foi molhada por outra vaca molhada e malhada.
  32. Gato escondido com rabo de fora tá mais escondido que rabo escondido com gato de fora.
  33. Num ninho de mafagafos há sete mafagafinhos. Quando a mafagafa gafa, gafam os sete mafagafinhos.
  34. Trazei três pratos de trigo para três tigres tristes comerem.
  35. O tempo perguntou ao tempo quanto tempo o tempo tem, o tempo respondeu ao tempo que o tempo tem o tempo que o tempo tem.
  36. A aranha arranha a rã. A rã arranha a aranha. Nem a aranha arranha a rã. Nem a rã arranha a aranha.
  37. O Rato roeu a rica roupa do rei de Roma! A rainha raivosa rasgou o resto e depois resolveu remendar!
  38. La vem o velho Félix com o fole velho nas costas.
  39. Tem uma tatu-peba, com sete tatu-pebinha. Quem destatupebar ela, bom destatupebador será.
  40. Farofa feita com muita farinha fofa faz uma fofoca feia.
  41. Maria-Mole é molenga. Se não é molenga, não é Maria-Mole. É coisa malemolente, nem mala, nem mola, nem Maria, nem mole.
  42. Tecelão tece o tecido em sete sedas de Sião. Tem sido a seda tecida na sorte do tecelão.
  43. Não confunda ornitorrinco com otorrinolaringologista, ornitorrinco com ornitologista, ornitologista com otorrinolaringologista, porque ornitorrinco, é ornitorrinco, ornitologista, é ornitologista, e otorrinolaringologista é otorrinolaringologista.
  44. Toco preto, porco fresco, corpo crespo.
  45. Fia, fio a fio, fino fio, frio a frio.

Veja também: Gênero do substantivo

você pode gostar também