Exercícios sobre Burguesia

Confira os exercícios sobre a Burguesia que selecionamos para você!

0

A burguesia teve sua origem junto com a expansão das cidades, sendo a responsável por grandes acontecimentos históricos.

Sabendo disso, responda os exercícios sobre a Burguesia que selecionamos para você!

Exercícios sobre a Burguesia

1- O termo burguesia teve sua origem na transição da:

a) Idade Média para a Idade Contemporânea.
b) Idade Moderna para a Idade Contemporânea.
c) Idade Antiga para a Idade Moderna.
d) Idade Média para a Idade Moderna.

2- Quem eram os burgueses?

a) Eram os mais ricos, donos do capital, como os grandes industriais.
b) Eram os mais ricos, donos do capital, como os comerciantes, banqueiros e jornalista.
c) Eram a classe média, como os feirantes e agricultores.
d) Eram os mais pobres, como os trabalhadores rurais.

3- A burguesia foi responsável por grandes acontecimentos históricos durante os séculos XVII e XIX, tais como a:

a) Revolução Inglesa, Revolução Industrial e Revolução Francesa.
b) Revolução Inglesa, Revolução Industrial e Revolução dos Cravos.
c) Revolução dos Cravos, Revolução Francesa e Revolução Industrial.
d) Revolução Francesa, Revolução dos Cravos e Revolução Cubana.

4- Qual é a origem da palavra “burguesia”?

a) A palavra burguesia vem de “burgo”, forma como eram chamados os senhores feudais.
b) A palavra burguesia vem de “burgo”, forma como eram chamados os banqueiros.
c) A palavra burguesia vem de “burgo”, forma como eram chamadas as cidades medievais que eram habitadas por comerciantes (burgueses).
d) A palavra burguesia vem de “burgo”, forma como eram chamados os trabalhadores rurais.

5- Qual foi o elemento mais importante para a constituição da burguesia?

a) A formação dos feudos.
b) A formação das cidades.
c) O declínio das feiras.
d) O desaparecimento dos comerciantes.

6- O Renascimento Comercial e Urbano foi um fator que beneficiou o surgimento da burguesia?

a) Sim, pois o surgimento e fortalecimento das feiras ocuparam um lugar de destaque nas cidades.
b) Não.
c) Sim, pois o surgimento e fortalecimento da relação de suserania e vassalagem ocupou um lugar de destaque nas cidades.
d) Não, pois o Renascimento Comercial e Urbano foi um acontecimento da Idade Contemporânea.

7- Como os servos viam a prática comercial?

a) Eles viam na prática comercial uma possibilidade de ascensão social, fato que não era possibilitado durante a Idade Moderna.
b) Eles não viam a prática comercial com bons olhos, pois a considerava inapropriada ao homem.
c) Eles não eram favoráveis à prática comercial pois não queriam abri mão da sua vida no campo.
d) Eles viam na prática comercial uma possibilidade de ascensão social, fato que não era possibilitado durante a Idade Média.

8-(FMTM) O crescimento do comércio e das cidades na Baixa Idade Média:

a) Consolidou as estruturas feudais, como a economia de subsistência e a suserania.
b) Expandiu as atividades agrícolas, com o declínio do uso de moedas nas trocas.
c) Fez surgir um novo grupo social, ligado às atividades artesanais e mercantis.
d) Permitiu o desenvolvimento do trabalho livre, isento de quaisquer restrições.
e) Criou uma infraestrutura tão adequada, que  provocou intenso êxodo rural.

9-(UFRN) O crescimento das cidades é um fenômeno da Europa ocidental a partir do século XI. Tratando sobre a questão, Pierre Vilar afirma:

“As cidades dependiam dos senhores. Mas elas foram mais fortes que as aldeias para discutir com seus amos, rebelarem-se, obter ou impor ‘cartas de franquia’. Coletivamente, continuavam vinculadas ao sistema feudal […]. Mas em seu território, e sobretudo dentro do recinto dentro da muralha, os habitantes eram livres e participavam da organização coletiva.”

VILAR, Pierre. Do feudalismo ao capitalismo. São Paulo: Contexto, 1992, p. 39.

Refletindo sobre essa afirmação, pode-se concluir que:

a) os moradores da cidade gozavam de significativa autonomia, mesmo submetidos à autoridade dos senhores, que lhes cobravam taxas.
b) os camponeses da aldeia medieval impuseram aos senhores feudais um documento que garantia autonomia política à comunidade.
c) os habitantes das cidades libertaram-se de inúmeras obrigações, entre elas a de participarem de corporações de ofício.
d) as populações urbanas eram isoladas por muralhas que as impediam de estabelecer relações socioeconômicas com o mundo feudal.

10-(MACKENZIE-SP) – A desintegração do Modo de Produção Feudal na Baixa Idade Média foi, em grande parte, consequência:

a) do crescimento do prestígio da Igreja, que era o sustentáculo ideológico do sistema.
b) do sucesso militar do movimento das Cruzadas, e da bem sucedida expansão da sociedade feudal pelo Oriente.
c) das transformações das relações servis de produção em assalariadas, do comércio e da economia monetária, que aceleraram as contradições internas do sistema.
d) do crescimento da população européia no século XIV e da grande oferta de mão-de-obra barata que este fato gerou economicamente.
e) da consolidação do localismo político, fruto direto da Guerra dos Cem anos que favoreceu a nobreza feudal.

Gabarito

1-D
2-B
3-A
4-C
5-B

6-A
7-D
8-C
9-A
10-C

Clique aqui para baixar em PDF!

Veja mais em:

você pode gostar também