Exercícios sobre Estado Novo

Confira os exercícios sobre o Estado Novo que selecionamos para você!

0

O Estado Novo foi um regime ditatorial que se inspirou nos regimes totalitários europeus. Comandada por Getúlio Vargas, esta fase compreendeu os anos de 1937 a 1945.

Sendo assim, responda os exercícios sobre o Estado Novo que selecionamos para você!

Exercícios Estado Novo

1-O Estado Novo foi a __________________ fase da Era Vargas.

a) primeira
b) segunda
c) terceira
d) última

2-O Estado Novo foi a fase da Era Vargas que sucedeu:

a) o Governo Provisório e o Governo Constitucional.
b) o Governo Provisório e a Primeira República.
c) a Primeira República e o Governo Constitucional.
d) Governo Constitucional e o Governo Regencial.

3-O Estado Novo foi um regime ditatorial influenciado pelos regimes totalitários da Europa, tais como:

a) o nazismo e o trotskismo.
b) leninismo e o nazismo.
c) o nazismo e o fascismo.
d) o fascismo e o leninismo.

4- Qual foi a principal causa do golpe do Estado Novo?

a) A principal causa do golpe de 1937 foi a divulgação do Plano Cohen, um documento que reunia um suposto plano capitalista de tomada de poder.
b) A principal causa do golpe de 1937 foi a divulgação do Plano Cohen, um documento que reunia um suposto plano comunista de tomada de poder.
c) A principal causa do golpe de 1937 foi a divulgação do Plano Cohen, um documento elaborado pelo próprio Vargas que reunia as principais metas a serem cumpridas pelo seu governo.
d) A principal causa do golpe de 1937 foi a divulgação do Plano Cohen, um documento elaborado pelos militares da época que tinha como principal objetivo reforçar o exército nacional.

5-Assinale a alternativa que contenha as principais características do Estado Novo no que diz respeito ao tema: trabalho.

a)Valorização do trabalho e do trabalhador; criação da Justiça do Trabalho; controle dos sindicatos; imposto sindical; direitos trabalhistas; criação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).
b) Valorização do trabalho e do trabalhador; criação da Justiça do Trabalho; liberdade aos sindicatos; imposto sindical; direitos trabalhistas; criação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).
c) Desvalorização do trabalho e do trabalhador; criação da Justiça do Trabalho; controle dos sindicatos; imposto sindical; diminuição dos direitos trabalhistas; criação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).
d) Valorização do trabalho e do trabalhador; fechamento da Justiça do Trabalho; liberdade aos sindicatos; imposto sindical; direitos trabalhistas; criação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

6-Durante o Estado Novo, foi criado o Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP). Qual era sua principal função?

a) O DIP era o principal organismo de oposição ao governo de Getúlio Vargas. Ele era o responsável por impulsionar a oposição dos meios de comunicação ao então governo.
b) O DIP era o principal organismo de oposição ao governo de Getúlio Vargas. Ele era o responsável por impulsionar a oposição dos meios de comunicação ao então governo, além de criar materiais didáticos para o mesmo fim.
c) O DIP era responsável por criar uma imagem positiva de Getúlio Vargas, o identificando ao povo e ao país. Além disso, ele produzia cartazes, folhetos, programas de rádio, cartilhas e documentários enaltecendo a figura de Getúlio Vargas e censurava os meios de comunicação.
d) O DIP era responsável por criar uma imagem positiva de Getúlio Vargas, o identificando ao povo e ao país. Além disso, ele produzia cartazes, folhetos, programas de rádio, cartilhas e documentários enaltecendo a figura de Getúlio Vargas, assim como produzia materiais contrários ao então governo.

7- Assinale a alternativa que contenha os feitos realizados no âmbito educacional durante o período do Estado Novo.

a) Uniformização das diretrizes educacionais; ensino primário gratuito e facultativo; ampliação do acesso à educação; padronização do ensino público.
b) Uniformização das diretrizes educacionais; ensino primário gratuito e obrigatório; ampliação do acesso à educação; padronização do ensino público e privado.
c) Diretrizes educacionais estabelecidas de acordo com a região do país; ensino primário gratuito e obrigatório; ampliação do acesso à educação; padronização do ensino público e privado.
d) Uniformização das diretrizes educacionais; ensino primário gratuito e obrigatório; ampliação do acesso à educação; padronização do ensino público.

8- (PUC/RS) “Façamos a revolução antes que o povo a faça.” A frase, atribuída ao governador de Minas Gerais, Antônio Carlos de Andrada, deixa entrever a ideologia política da Revolução de 1930, promovida pelos interesses

a) da burguesia cafeicultora de São Paulo, com vistas à valorização do café.
b) do operariado, com o objetivo de aprofundar a industrialização.
c) dos partidos de direita fascistas, no intuito de estabelecer um Estado forte.
d) das oligarquias dissidentes, aliadas ao tenentismo pela reforma do Estado.
e) da burguesia industrial, na busca de uma política de livre iniciativa.

9- (Enem/2017) Durante o Estado Novo, os encarregados da propaganda procuraram aperfeiçoar-se na arte da empolgação e envolvimento das “multidões” através das mensagens políticas. Nesse tipo de discurso, o significado das palavras importa pouco, pois, como declarou Goebbels, “não falamos para dizer alguma coisa, mas para obter determinado efeito”.

CAPELATO, M. H. Propaganda política e controle dos meios de comunicação. In: PANDOLFI, D. (Org.). Repensando o Estado Novo. Rio de Janeiro: FGV, 1999.

O controle sobre os meios de comunicação foi uma marca do Estado Novo, sendo fundamental à propaganda política, na medida em que visava

a) conquistar o apoio popular na legitimação do novo governo.
b) ampliar o envolvimento das multidões nas decisões políticas.
c) aumentar a oferta de informações públicas para a sociedade civil.
d) estender a participação democrática dos meios de comunicação no Brasil.
e) alargar o entendimento da população sobre as intenções do novo governo.

10- (Unirio/2000) Na casa do beato Pedro Batista em Santa Brígida, na Bahia, D. Pedro II divide um espaço na parede com Getúlio Vargas. Este exemplo caracteriza um tipo de idealização da figura de mitos que ficaram sedimentados na memória popular. Podemos afirmar que Getúlio Vargas potencializou uma imagem de “pai dos pobres”, em grande parte devido às(aos):

(Schwarcz, Lília Moritz. As Barbas do Imperador. D. Pedro II: Um Monarca nos Trópicos. São Paulo, Cia das Letras, 1998 p. 322)

a) medidas de caráter populista, atraindo as massas trabalhadoras.
b) medidas revolucionárias introduzidas com a reforma agrária.
c) restrições econômicas impostas aos industriais brasileiros.
d) restrições rígidas impostas à burguesia nacional e internacional.
e) discursos ufanistas disseminados entre os camponeses brasileiros.

Gabarito

1-D
2-A
3-C
4-B
5-A

6-C
7-D
8-D
9-A
10-A

Clique aqui para baixar em PDF!

Saiba mais em:

você pode gostar também
Deixe um comentário