O que foi o renascimento comercial e urbano: entenda

Saiba como aconteceu esse período de transformação, na Europa, que pôs fim ao sistema rural de feudalismo

0

O renascimento comercial e urbano foi um  processo de transformações que aconteceram na Europa no século XI.

Ao mesmo tempo, ocorreu também a Baixa Idade Média. Essa foi segunda fase da Idade Média, e nessa época aconteceu a desunião do sistema feudal e transição para o sistema capitalista.

O espaço rural se transformou , com a chegada da charrua, que permitiu o avanço agrícola naquela época. Com isso, os camponeses observaram uma melhora do solo e passaram a tratá-lo melhor.

Dessa forma, com melhoras no campo e mais produtividade, a população começou a crescer.  Logo, se o espaço rural se tornou mais produtivo, o comércio também se transformou. Período em que começou o renascimento.

O Renascimento

Com o aumento dos movimentos comerciais, os comerciantes e artesãos passaram a ter mais autonomia. Assim sendo, eles começaram as trocas com os camponeses. Foi aí que o renascimento comercial e urbano se iniciou.

Desse modo, ao garantirem mais autonomia, os camponeses passaram a exigir que os senhores feudais os pagassem em dinheiro pelos serviços prestados.

Esse período ficou marcado também pelo grande êxodo rural. Em que os trabalhadores do campo deixaram esse trabalho e migraram para vilas e burgos em torno dos feudos.

Em decorrência disso, pessoas que moravam nesses lugares passaram a ser chamados de burgueses. Denominação dada, principalmente, a comerciantes e homens ricos.

A Manufatura

Com o aumento significativo da população o comércio se aproveitou das necessidades que foram aparecendo.

Desse modo, roupas, objetos domésticos, materiais para trabalho e outros  diversos utensílios se tornaram essenciais. Assim, a transformação de matéria-prima em bens de consumo, a manufatura, cresceu expressivamente.

Divergências

Os problemas começaram a aparecer devido ao grande enriquecimento dos burgueses.

Primeiro, os senhores feudais entraram em confronto com eles, já que a forma de economia das duas classes eram completamente diferentes.

Além disso, o lucro sobre o tempo  de empréstimo de uma quantia de dinheiro era outra questão. Na época, se chamava usura, hoje em dia seria a agiotagem.

Corporações de ofícios

As corporações de ofício surgiram com o grande impulso da manufatura e consistia em tornar o trabalho disciplinado e distribuir os produtos nos burgos.

Além disso, fazer com que a técnica empregada em cada burgo fosse passada para a frente, como uma forma de perpetuação.

O renascimento comercial e urbano
O renascimento comercial e urbano
você pode gostar também