Congresso de Viena

O Congresso de Viena visava recuperar o mapa político que vigorava na Europa antes da Era Napoleônica.

0

O Congresso de Viena ocorreu na cidade de Viena, capital da Áustria, entre os anos de 1814 e 1815.

Foi uma conferência que reuniu os embaixadores das principais nações europeias, cujo objetivo era redesenhar o mapa político da Europa após a derrota da França na Batalha de Waterloo.

O fim da Era Napoleônica fez com que as grandes potências do continente europeu repensassem as formas de fazer as monarquias terem êxito, além de propiciar a divisão dos territórios que antes estavam sob o domínio francês entre os países vencedores.

Resumo

Depois de muito tentarem, os países europeus conseguem derrotar o exército de Napoleão Bonaparte, impedindo que ele retomasse o controle do continente europeu.

No início do século XIX, Bonaparte liderava um exército que vencia batalhas consideradas perdidas. Seu carisma, aliado ao talento militar, fez com que ele comandasse a França por pouco mais de quinze anos.

Sendo assim, a derrota francesa na Batalha de Waterloo, em 1815, fez com que as principais potências europeias se reunissem para redesenhar as fronteiras do continente.

A Inglaterra, Áustria, Rússia, Prússia e França se reuniram para discutir a divisão das regiões europeias que antes eram dominadas pelos franceses.

Além disso, uma das preocupações dos representantes dos países europeus era a respeito da situação dos monarcas no período pós-Napoleônico.

O absolutismo já mostrava sinais de desgaste, prova disso era o sucesso da Revolução Francesa e da propagação dos seus ideais.

Com isso, os governantes perceberam a urgência da criação de constituições que garantissem mais direitos sociais e políticos à população.

Os países que foram prejudicados pela Revolução tiveram suas monarquias e territórios restabelecidos. Já os países vencedores conquistaram o direito de dominar territórios além da Europa.

Consequências para os franceses 

Os franceses tiveram que abrir mão das regiões conquistadas pelo seu exército e foram obrigados a pagar altas indenizações às nações invadidas pelas tropas de Bonaparte.

Além disso, o comando do país foi devolvido para o irmão do rei Luís XVI (morto na guilhotina), Luís XVIII.

Santa Aliança

A Santa Aliança tinha o papel de garantir que as determinações do Congresso de Viena fossem obedecidas.

No entanto, este pacto político e militar não teve êxito pois não conseguiu evitar que levantes liberais ocorressem na Europa ao longo do século XIX, além dos movimentos emancipacionistas do continente americano.

Saiba mais em:

você pode gostar também
Deixe um comentário