O que é herpes

O herpes é uma infecção viral que causa feridas que podem ser muito dolorosas e mexem com a autoestima da pessoa infectada!

0
O herpes é uma infecção de pele que pode ser causada por dois vírus diferentes: o vírus Varicela- Zóster (VVZ) e o vírus Herpes-simplex (HSV).

O VVZ também é conhecido como herpes zoster e, além de herpes, também causa a catapora e o cobreiro. Já o HSV pode se apresentar de dois tipos, chamados de tipo 1 e tipo 2, e causam a infecção mais comum de herpes.

O herpex simplex já teve contato com 99% das pessoas adultas em algum momento da vida, mas a maioria é assintomática ou apresentam um único episódio de infecção. No entanto, o vírus permanece incubado no corpo da pessoa durante toda a vida.

As feridas causadas pelo herpes podem ser muito dolorosas e causar muitos problemas de autoestima na pessoa infectada, já que acometem principalmente áreas do rosto ou órgãos genitais.

Sintomas do herpes

Os sintomas do herpes podem ser diferentes entre os tipos de vírus. Para o tipo 1, os mais comuns são o aparecimento de feridas nos lábios e na mucosa de dentro da boca.

Essas lesões podem ser recorrentes e aparecer em momentos onde o funcionamento do sistema imunológico é afetado. Isso pode ocorrer em episódios de febre, gripes, tensão pré-menstrual, estresse exposição prolongada ao Sol ou ocorrência de outras doenças.

O tipo 2 de herpes simplex, em geral, causa lesões nos órgãos genitais e é considerada uma infecção sexualmente transmitida.

Antes do aparecimento das feridas, é comum que haja ardência, coceira e formigamento no local onde ocorrerá a lesão.

Durante a lesão, são formadas vesículas com líquido que é altamente contaminante, em todos os tipos de herpes. Portanto, elas não devem ser estouradas e deve-se evitar o contato das lesões com outras partes do corpo da própria pessoa e de outras pessoas também.

Depois que as vesículas se rompem naturalmente ou secam, surgem feridas que ficam cobertas por crostas até que a pele seja restabelecida. Nessa fase a doença não é contagiosa mais, em geral os episódios duram entre uma a duas semanas.

Tratamento do herpes

O tratamento do herpes deve ser indicado pelo médico assim que surgirem os primeiros sintomas. Ele pode ser através de medicações orais ou uso tópico, com pomadas antivirais.

Métodos de prevenção

A melhor prevenção contra as infecções do herpes é a higiene pessoal e o não compartilhamento de objetos pessoais, inclusive batons.

O uso de preservativo durante as relações sexuais também é necessário para evitar a herpes genital. Deve-se lembrar de evitar contato com a pele lesionada das pessoas que estão com a infecção ativa, bem como o compartilhamento de coisas como copos e talheres.

Veja também:

você pode gostar também